Foto Reprodução: Agevisa / G1 Paraíba

As rodovias federais que cortam a Paraíba tiveram barreiras sanitárias instaladas nesta quinta-feira (9) para prevenir a propagação da Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus. A ação, que acontece das 8h às 17h, está distribuída nas divisas paraibanas com os estados de Pernambuco, Ceará e Rio Grande do Norte.

A fiscalização será feita de maneira integrada entre a Agência Estadual de Vigilância Sanitária (Agevisa), Polícia Militar (PM), Corpo de Bombeiros e Polícia Rodoviária Federal (PRF). Conforme a PRF, não haverá restrição no fluxo de veículos e pessoas.

Cada instituição terá uma atribuição. A vigilância sanitária realizará a medição da temperatura corporal de condutores e passageiros, a possível identificação de sintomas de Covid-19 e dará orientações sobre a doença.

Já a PRF garantirá a segurança durante a inspeção, fará a sinalização das vias e ficará responsável pela parada de veículos. A ação deve acontecer até que seja suspensa pelo governador do estado, João Azevêdo.

De acordo com a diretora da Agevisa, Jória Viana Guerreiro, pelo menos 10 profissionais de vigilância sanitária foram contratados por meio de uma chamada pública para contratação, em caráter de urgência, de 2.453 profissionais da área de saúde para prestação de serviço no combate ao novo coronavírus na Paraíba.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui