Michel Filho | Agência O Globo

O presidente Jair Bolsonaro fez mais uma reunião no início da tarde desta segunda-feira (6) sem a presença do ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, mas com o deputado federal Osmar Terra (MDB-RS), cotado para assumir a pasta. Os assuntos, claro, giraram em torno da covid-19.

Entre os presentes no encontro no Palácio do Planalto estavam também o ministro-chefe da Casa Civil, Walter Braga Netto, o ministro da Secretaria-Geral da Presidência, Jorge Oliveira, o ministro da Secretaria de Governo, Luiz Eduardo Ramos, e o ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional, Augusto Heleno.

Essa não é a primeira reunião de Bolsonaro para tratar da crise do coronavírus com a presença de Terra e sem Mandetta. Na semana passada, o deputado participou de um encontro de Bolsonaro com médicos que conduzem estudos sobre hidroxicloroquina, sem o ministro da Saúde.

Ontem, Bolsonaro disse a apoiadores na frente do Palácio da Alvorada que “algumas pessoas” do seu governo “de repente viraram estrelas e falam pelos cotovelos”, e que “a hora deles não chegou ainda”. A fala foi interpretada como uma indireta a Mandetta.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui