Trump deixa de seguir Bolsonaro no Twitter
Foto Reprodução: Foto: Alan Santos / PR / Revista Forum

Esta sexta-feira (5) definitivamente não foi um bom dia na relação entre Jair Bolsonaro e Donald Trump. Pela manhã, o estadunidense chegou a citar o Brasil como exemplo negativo no combate ao coronavírus, e disse que se os Estados Unidos fizessem o mesmo teriam mais de 2 milhões de mortos.

E para terminar, de noite, Trump parece ter feito uma limpa na lista de perfis que segue no Twitter, e um dos removidos foi justamente o presidente brasileiro. Entre os 46 perfis que restaram, não consta o de Jair Bolsonaro.

A internet não demorou em reagir, através de comentários e memes que surgiram, ironizando a situação, com especiais alusões à piada de que os seguidores bolsonaristas colocariam Trump na lista de personagens comunistas.

Porém, o presidente brasileiro parece que não quer desistir da relação. Bolsonaro mantém Trump entre os cerca de 400 perfis que segue, e também declarou, nesta mesma sexta, que copiará de novo o norte-americano, ao dizer que pretende retirar o Brasil da OMS, como fizeram os Estados Unidos recentemente.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui