Foto: Reprodução

O corpo da pernambucana Patrícia Roberta, de 22 anos, assassinada em João Pessoa, foi foi enterrado no começo da noite desta quinta-feira (29), no Cemitério Dom Bosco, em Caruaru, no Agreste de Pernambuco, sob forte comoção.

A jovem foi encontrada morta em uma área de mata em João Pessoa, na Paraíba, na terça (27), mesmo dia em que o suspeito do crime, Jonathan Henrique G. dos Santos, de 23 anos, foi preso. Eles seriam amigos há mais de 10 anos.

Uma multidão se aglomerou na porta do cemitério Dom Bosco, em Caruaru, nesta quinta-feira para a despedida de Patrícia Roberta.
Antes do sepultamento, o corpo da jovem foi velado por poucos minutos na casa da avó, no bairro Jardim Panorama. Familiares e amigos fizeram cartazes e se despediram de Patrícia Roberta com orações, louvores e aplausos durante o cortejo para o cemitério.

No cemitério em Caruaru houve aplausos com a chegada do caixão no veículo da funerária e comoção da multidão. O pai e a mãe foram abraçados e apoiados pela população e por amigos. A porta do cemitério foi fechada para que não houvesse aglomeração no local do sepultamento.

O pai de Patrícia Roberta pediu justiça e disse que a dor de perder a filha era muito grande.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui